Header

cartaz-utopia-2010

 

Apresentação Lisboa, Março 2012

Fui convidado a fazer parte de uma exposição colectiva com os artistas René Tavares e Maimuna Adam, na prestigiada galeria portuguesa Graça Brandão, a ser inaugura a 8 de Março 2012, onde apresentarei o meu trabalho em vídeo-art, intitulado UTOPIA.
Uma sequela da instalação realizada na Fundação Amílcar Cabral, em 2009, no âmbito das comemorações da Independência de Cabo Verde. Após ter realizado o primeiro trabalho, com o mesmo nome, César Schofield Cardoso sentiu a necessidade de continuar a trabalhar as questões da identidade caboverdiana, através da arte e do cruzamento de leituras sobre a independência.

UTOPIA 2010 consiste numa instalação multimédia que confronta o passado (clandestinidade e luta, independência, democracia) com o futuro, agora presente.

O local escolhido para a realização do projecto UTOPIA 2010 é o Palácio da Cultura Ildo Lobo, cujo exterior e interior do edifício servirão de suporte para a intervenção artística do autor.

UTOPIA 2010 insere-se no âmbito do 35º Aniversário da Independência Nacional, quando o país se confirma como uma nação convicta e soberana, reafirmando a sua capacidade de promover o seu próprio desenvolvimento económico, social e cultural.

Com UTOPIA 2010 autor, César Schofield Cardoso, pretende assinalar este efeméride com uma visão d´Arte: uma visão que se quer arrojada.

Enquanto objecto artístico e documental a IIª Edição de UTOPIA objectiva o cruzamento de linguagens, ideias e públicos. Como tal são articulados acontecimentos paralelos à instalação: encontros, visitas guiadas e, ainda por confirmar a data, UTOPIA 0.1 @ Zeropoint Gallery, São Vicente.