Header
me_webS.Vicente, Cabo Verde, 1973.
[EN]
César Schofield Cardoso is a caboverdean photographer and filmmaker. In 2006 he launched PRAIA.MOV, an urban culture movement in the city of Praia, Cabo Verde, in collaboration with architects, artists and other critical thinkers. In 2009 he produced the video installation UTOPIA which considered the subject of freedom. ROOT(S), one of the videos of this project, received the Audience Award and an Honorable Mention at the Sal International Film Festival, Cabo Verde, 2010. In 2009, he addressed the condition of Imprisonment and of the Ideological Prisoner in his short film KATHARSIS. In 2011 he was invited to the Biennial of Sao Tome and Principe for which he produced the video SPRITU, presented at the City Museum, Lisbon in 2012. During this same period, he exhibited UTOPIA at Graça Brandão Gallery, also in Lisbon. He is the creator and author of the blog bianda.blogspot.com, which has received critical acclaim from the Cabo Verde media.  He is co-founder of the Black Cinema platform WWW.FICINE.ORG and is currently the Coordinator of the Department of Cinema and Media Arts at the Ministry of Culture of Cabo Verde.
[PT]
César Schofield Cardoso é fotógrafo e cineasta caboverdeano. Em 2006 ele lançou PRAIA.MOV, um movimento de cultura urbana na cidade da Praia, Cabo Verde, em colaboração com arquitetos, artistas e outros pensadores críticos. Em 2009, ele produziu a instalação de vídeo UTOPIA, que considerou o tema da liberdade. ROOT (S), um dos vídeos desse projeto, recebeu o Prêmio do Público e uma Menção Honrosa no Festival Internacional de Cinema do Sal, Cabo Verde, 2010. Em 2009, ele considerou a condição de Prisão e do Prisioneiro Ideológico em sua curta-metragem KATHARSIS. Em 2011 ele foi convidado para a Bienal de São Tomé e Príncipe para o qual ele produziu o vídeo SPRITU, apresentado também no Museu da Cidade, Lisboa em 2012. Durante este mesmo período, ele exibiu UTOPIA na Galeria Graça Brandão, Lisboa. Ele é o criador e autor do blog bianda.blogspot.com, que tem recebido elogios da crítica das médias em Cabo Verde. Ele é co-fundador da plataforma de Cinema Negro WWW.FICINE.ORG e é atualmente o Coordenador do Departamento de Cinema e Media Art do Ministério da Cultura de Cabo Verde.